Foto: Melito |

Conrado Pera e Chico César encerram XVII Encontro de Culturas

POR Eduardo Sá 03/08/2017

A Vila de São Jorge ficou repleta para o show de encerramento do XVII Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros. A rua da Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge, onde estava o palco principal, virou um mar de gente. Conrado Pera, cantor e musicista paulista radicado em Alto Paraíso de Goiás, animou o público com as músicas regionais que saíam de sua guitarra. Na sequência, foi a vez de Chico César, como convidado especial, sustentar o público presente. 

Ao som da música Mamãe Oxum, Conrado colocou todos pra movimentar a energia do Cerrado em uma ciranda. Dançando e cantando, o público entrou no ritmo de “colhendo lírio lirulê, colhendo lírio lirulá”. Em seguida, segundo ele, chamou ao palco um grande artista, que defende os direitos do nosso povo.  Foi Chico César que subiu ao palco, com um adesivo das “Diretas Já” na guitarra, para cantar suas músicas de protesto social.

Sua música Reis do Agronegócio atraiu todos os ouvidos da plateia, que ao final aplaudiu, praticamente chegando ao delírio. Em seguida, representantes indígenas Fulni-ô e xinguanos subiram ao palco para acompanhá-lo, ao ritmo do maracá. O hino entoado em conjunto foi Demarcação Já, música grava por Chico, de autoria de Carlos Rennó. Ela foi lançada por diversos artistas consagrados no cenário nacional, exigindo a demarcação das terras indígenas. 

A celebração continuou dentro da Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge, com Conrado Pera, que é ouro da casa o ano inteiro. Celebramos o encerramento de mais um Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros e de todos os transformadores encontros que ele proporcionou nesta segunda quinzena de 2017. Que venha 2018!